Equipe de Felipe Araújo fica presa por dois dias em bloqueio na BR 163

Equipe de Felipe Araújo fica presa por dois dias em bloqueio na BR 163

A equipe do cantor Felipe Araújo passou por momentos de tensão após a realização de três shows no Pará no último fim de semana. 

Ao tentar deixar o local pela BR-163 na segunda-feira (22), o ônibus que transportava produtores, técnicos e músicos do sertanejo foi impedido de seguir viagem por conta de um bloqueio na estrada promovido por índios e integrantes do Movimento dos Sem Terra entre os distritos de Morais de Almeida e Novo Progresso, no Pará.

Segundo informações de Rafael Vanucci, empresário de Felipe, o MST estaria reivindicando documentos de alqueires e os índios pediam asfalto, energia elétrica e um hospital para a aldeia. Felipe, irmão de Cristiano Araújo (morto em junho de 2015), não estava no ônibus, porque voltou de avião.

— Já havia acontecido o mesmo na semana passada e precisei enviar aviões para resgatar a equipe. Dessa vez, houve negociação e o ônibus foi liberado na tarde desta quarta (24). Apesar dos transtornos, a equipe não foi alvo de nenhum tipo de hostilidade. 

Com o desbloqueio da estrada, os integrantes da equipe conseguiram sair do local a tempo de realizar os próximos shows do cantor, que acontecem nesse fim de semana em Minas Gerais, na sexta (26), sábado (27) e domingo (28).

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram
Imprimir
Email

Comentários

Feito com muito 💜 por go7.com.br